quinta-feira, 9/abr/2015 às 04:42am

Ilustração do “Sci-Fi Punk Projects” criada por Martielo Toledo

Ilustração da HQ “Sci-Fi Punk Projects” criada por Martielo Toledo

Às vésperas da 29ª edição da SPFW (Primavera-Verão 2015/16; e lá se vão 20 anos!), entender a Moda como uma plataforma multidisciplinar de experimentação criativa é a reflexão que urge.

 

Ir além das roupas – já são tantas, muitas, inúmeras; não precisava ser fabricado mais nada e não ficaríamos nus – é o desafio que tem se formatado como principal tendência para quem quer se manter relevante no competitivo mercado global.

 

Como narradora dos tempos, a Moda busca representatividade legítima entre a criação e o consumo, entre o desejo e a materialização, entre a pureza e o excesso.

 

Mal necessário, a Internet banalizou a Fotografia, que banalizou o Discurso, que banalizou a Experiência, que banalizou o Desejo, que banalizou a Moda, não obrigatoriamente nessa ordem, mas impactando diretamente nos meios de produção, exposição e consumo.

 

A Moda precisa se apaixonar novamente pela Moda, pela criação, pelo único, pelo que não é reproduzido em série, pelo que tem conceito e nem por isso é conceitual.

 

Os instantâneos estarão lá postados, replicados, repostados e regramados e é inevitável que estejam, faz parte das novas regras da relevância. Faz falta um pouco de silêncio, do olhar atento e preciso, da criatividade que aguça os sentidos e estabelece interrogações.

 

Li de uma estilista que se orgulha de fazer roupa de noite pra vender, que não é conceitual e tals. Pensamento commodity esse, não?! Reflete exatamente a tal encruzilhada em que a Moda – brasileira e global – se encontra: a fast fashionização matou a criatividade e sinaliza uma reflexão sobre o tamanho dos eventos, o excesso de público, a superficialidade da nova mídia, seus likes e looks, a urgência em parecer presente e indispensável.

 

Por essas e outras, ilustro esse pensamento com uma trilha sonora do DJ e produtor Anderson Noise para a experimentação multiplataforma do designer Martielo Toledo, pois escuto entre as pausas dos bits e bips, um exercício vigoroso de respiração que comunica o desejo que me emociona: o Transculturalismo, aqui ocupando a Internet e salientando a fluidez entre as fronteiras criativas.

 

SHHH… Que venha a TRANSMODA!

 

Veja o teaser de Sci-Fi Punk Projects, projeto multiplataforma de Martielo Toledo com trilha sonora de Anderson Noise.

Imagem de Amostra do You Tube

TRACKLIST

  • 01. Anderson Noise – Melquisedec
  • 02. Anderson Noise – Martian Secret Society
  • 03. Anderson Noise – SCI-FI Punk Projects
  • 04. Anderson Noise – SCI-FI Punk Projects (Sex Shop remix)
  • 05. Anderson Noise – Intergalactic Confederation
  • 06. Anderson Noise – Your Mind is a Battleground
  • 07. Anderson Noise – UFO
  • 08. Anderson Noise – The Lost World of Z
  • 09. Anderson Noise – Coronel Fawcett
  • 10. Anderson Noise – Interdimensional
  • 11. Anderson Noise – Madame Blavatsky
  • 12. Anderson Noise – Giant Guardian
  • 13. Anderson Noise – Annunaki
  • 14. Anderson Noise – Your Mind is a Battleground (Sex Shop remix) 15 Anderson Noise – Retro Future

comente up

09/04/2015 às 9:43
Seta

Trilha fim de tarde de primavera azul, pos-brinquedos malucos com crianças mais loucas ainda… so falta um campari no bar da piscina pra acompanhar la musique…!!! :)